Festival de Inverno do Sesc agita Nova Friburgo a partir da próxima terça

O Festival de Inverno Sesc Rio 2010 será realizado de 13 de julho a 1º de agosto, com apoio do Sistema Fecomércio-RJ, em Petrópolis, Teresópolis e Nova Friburgo. O maior evento cultural do estado, em sua nona edição, traça um panorama da produção artística brasileira, abrindo espaço para grandes nomes e novos talentos nas áreas de teatro, música, dança, literatura, cinema e artes plásticas. A força do festival está na qualidade da programação. Em Nova Friburgo serão encenados espetáculos teatrais como A mulher que escreveu a Bíblia; As meninas; Confissões de adolescente; Hiperativo; As conchambranças de Quaderna; A forma das coisas; As impostoras; entre outros. No set de shows, destaque para Hermeto Pascoal, Toni Platão, Selma Reis e Dominguinhos. No recital-palestra do Trio Aquarius, o pianista Flávio Augusto falará sobre a vida e a obra do compositor polonês Chopin, cujos 200 anos de nascimento estão sendo comemorados mundo afora.
No estilo revista musical, destaque para Miranda por Miranda e Eu te amo mesmo assim, com composições de Chico Buarque, Vinícius de Moraes, José Augusto, Tim Maia e Roberto Carlos, entre outros. Sucesso de público e crítica, o primeiro stand up comedian, Fernando Ceylão, leva o Comédia no título para as três cidades do festival. Dietas, secretária eletrônica, gente que puxa conversa em fila, verdades e mentiras, celebridades, televisão, casamento, plástico bolha, lanchonetes, shoppings, cinema, estacionamentos, entre outros tópicos surrealistas de nosso dia a dia estão no cardápio do espetáculo.
Carbon Free – Uma das novidades desta edição do Festival de Inverno Sesc Rio 2010 é que o evento recebe o selo Carbon Free, por compensar as emissões de CO2 – decorrentes da realização do evento – através do plantio de 799 árvores nativas da Mata Atlântica. A certificação é da Iniciativa Verde, organização da sociedade civil de interesse público (Oscip), precursora na criação do programa ‘verde’. Por serem plantadas em áreas de proteção ambiental degradadas, tanto quanto contribuir para desacelerar o aquecimento global, colabora-se com o restauro de matas ciliares, ou seja, vegetação no entorno de rios, o que inclui preservação dos recursos hídricos, do solo e da biodiversidade.
“Com essa iniciativa, o Sesc Rio propõe, para além do plantio, pensar na construção de novos valores e atitudes, pensar que cultura e natureza são partes de nós, de forma mais equilibrada”, afirma o gerente do Sesc Nova Friburgo, Carlos Rocha.
Como a atividade florestal possui forte sazonalidade, o início da temporada de plantio se dá em outubro. A compensação, por parte do Sesc Rio, se dará na APA da Bacia do Rio São João/Mico Leão Dourado, em matas ciliares do distrito de Aldeia Velha, em Silva Jardim (RJ).

Veja programação completa em: http://www.sescrio.org.br

Anúncios

Obrigado pelo seu comentário e em breve entraremos em contato com você. Liderança Pastoral

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s